Modern technology gives us many things.

A Lenda do Cavaleiro sem Cabeça

0

Um soldado montado em seu cavalo, com uma cabeça feita de abóbora nas mãos em chamas! Ele vaga pelo mundo procurando furiosamente pela cabeça a muito perdida. Este é o cavaleiro sem cabeça.

A Lenda do Cavaleiro sem Cabeça
imagem: divulgação

Aliás, na Europa o cavaleiro é conhecido como Dullahan, que significa “sem cabeça” ou decapitado em irlandês. E foi exatamente na Irlanda que a lenda começou.

Orinalmente, o Cavaleiro Sem Cabeça era um tipo de fada ou espírito que era visto literalmente sem cabeça de aspecto fantasmagórico sempre montado em um cavalo negro e levando sua cabeça debaixo do braço.

Segundo as lendas ele está sempre correndo com seu cavalo, e quando ele para de correr significa que alguém irá morrer. Quando isso acontece, a cabeça sob o braço anuncia o nome da vítima e a partir daí não há nada que possa ser feito para evitar o destino sombrio.

É dito que o Cavaleiro Sem Cabeça possui um ponto fraco: o ouro.  Ele fugirá ao perceber a existência mesmo do menor pedaço de ouro. O motivo disso é um mistério.

Essa lenda foi a origem para diversas histórias que se espalharam pela america, muitos personagens da cultura pop foram baseados neste mito.

Entre os filmes, o mais destacado é o lançado em 1999, dirigido por Tim Burton e tem Johnny Depp no papel do detetive Ichabod Crane, que investiga misteriosos assassinatos supostamente cometidos pela figura lendária do Cavaleiro Sem Cabeça.

Conheça uma das versões do Cavaleiro sem Cabeça

A Lenda do Cavaleiro sem Cabeça
imagem: divulgação

Conta a lenda que um homem chamado Lakey, da cidade de Mount Pleasant, que fica no estado de Nova Iorque, Estados Unidos, foi encontrado morto – com a cabeça decapitada por um machado, deixado pelo assassino próximo ao corpo.

A população local ficou chocada pela violência do crime. Ninguém entendia o motivo daquilo, afinal todos diriam que Lakey era um bom homem e não tinha inimigos.

Após o enterro de Lakey, dois pescadores passaram a cavalo próximo à cabana onde o rapaz morava, enquanto cavalgavam em direção ao local de pesca, notaram um cavaleiro se aproximando deles. O que seria algo comum se este senhor tivesse cabeça.

Os pescadores ficaram totalmente apavorados ao perceber que este cavaleiro, montado num cavalo preto, não tinha cabeça. Mas, quando chegaram próximo ao riacho, o misterioso cavaleiro sem cabeça mudou de direção e logo desapareceu próximo a um cruzamento no caminho.

A Lenda do Cavaleiro sem Cabeça
creditos: rodolfo gorrin

De início os homens ficaram muito assustados e não quiseram contar a história, mas com o tempo souberam que mais pessoas haviam visto o Cavaleiro Sem Cabeça naquele mesmo local.

Ele sempre fazia a mesma coisa: juntava-se a cavaleiros que passavam próximos à cabana de Lakey, seguia-os até perto do riacho e depois seguia até próximo ao cruzamento, onde desaparecia.

Hoje em dia há uma ponte no local por onde motoristas podem atravessar com seus carros, e o pequeno riacho ganhou o nome de “riacho de Lakey”.  A cidade passou a chamar-se Sleepy Hollow – nome escolhido pelos próprios moradores por causa de um conto publicado em 1820 sobre o Cavaleiro Sem Cabeça.

O cavaleiro não foi mais avistado naquela região, mas sua história ainda é contada.

Ah, e o mistério sobre quem foi o assassino de Lakey, e o motivo que levou ao crime nunca foi solucionado.

Curiosidades sobre o Cavaleiro sem Cabeça

O Conto “The Legend of Sleepy Hollow”, de Washington Irving, é um dos contos mais antigos da ficção norte-americana lidos até hoje. Ele foi adaptado para o cinema no filme de Tim Burton. O conto foi publicado pela primeira vez em 1820, quase dois séculos atrás!

A lenda também já rendeu um musical da Broadway, em 1948 e uma ópera, em 2009.

Em 2013 estreou pelo canal Fox a série “Sleepy Hollow”, inspirada no conto original.

O Filme de Tim Burton, A Lenda do Cavaleiro Sem Cabeça, ganhou um Oscar de melhor direção de arte e mais pelo menos 3 outros prêmios.

Durahan o que é?

é um tipo de criatura lendária imortal proveniente da mitologia irlandesa. Ele não tem cabeça e geralmente é visto montado num cavalo negro.

Quando surgiu o cavaleiro sem cabeça?

 Publicado em 1820, é um conto de Washington Irving incluído na coleção The Sketch Book of Geoffrey Crayon, Gent., escrita enquanto o autor vivia em Birmingham, Inglate.

Como termina a historia?

O desfecho do conto fictício se passa na ponte sobre o  rio Pocantico, na área da Velha Igreja Holandesa e Cemitério em Sleepy Hollow.

Continue acompanhando o blog360.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.