Modern technology gives us many things.

Estranhas tradições de natal

0

O natal é celebrado em 160 países até mesmo aqueles que não tem o cristianismo como principal religião. Cada pais tem as suas tradições de natal, e elas podem ser bastante interessantes.

Presépio de natal ‘impróprio’ na Catalunha

Entre os personagens tradicionais do natal, na catalunha é comum colocar o caganer. Um personagem que representa um famoso fazendo as necessidades no chão.

A tradição começou no seculo 18 a imagem simboliza a fertilidade da terra e a prosperidade. Os bonecos ficam escondidos no presepio para garantir a diversão das crianças.

Decoração com picles ‘alemão’

Na região centro-oeste dos Estados Unidos, existe uma tradição chamada de “picles natal”. O costume é basicamente pendurar um enfeite em formato de picles na arvore de natal.

tradições de natal

Os adultos escondem o enfeite dentro da arvore e a primeira criança a encontrar ganha doces.

Os alemães afirmam que esta tradição veio de seus antepassados, mas uma pesquisa realizada na Alemanha em 2016 descobriu que 91% dos alemães nunca ouviram falar desta tradição.

Japão: frango frito na ceia

A maioria dos japoneses são budistas, xintoístas ou ambos. dessa forma tradições natalinas no pais acaba sendo algo limitado.

Porem apesar de não ser algo natural para o pais, nos ultimos anos tem surgido uma tradiçao natalina que tem ganhado muitos seguidores.

Cerca de 3,6 milhoes de familias seguem a tradição.

Basicamente se trata de comer frango frito no dia do natal. É uma demanda de pedidos tao alta que os frangos devem ser encomendada cerca de uma semana com antecedencia.

O Natal é em janeiro em Moscou e Kiev

Os Russos e Ucranianos, comemoram o natal um pouco mais tarde assim como outros 13 países que seguem o cristianismo ortodoxo, eles celebram a festa em 7 de janeiro.

Esses Países seguem o calendário juliano, criado em 45 A.c no lugar do tradicional calendário gregoriano, instituído pelo papa católico romano.

A diferença entre os dois calendários de 13 dias, o que explica a comemoração em datas diferentes.

Duendes travessos na Islândia

De acordo com um estudo realizado em 2007, mais de 54% dos irlandeses acreditam em duentes.

Esses duendes visitam as crianças no natal deixando presentes dentro do sapado que as crianças deixam nas janelas.

Queime uma cabra – ou pelo menos tente – na Suécia

Desde 1966, em gavle, a cerca de 100 quilômetros ao norte de Estocolmo, constrói uma cabra gigante de palha.

Porem durante muito tempo as autoridades entraram em alerta porque surgiu uma tradição informal de queimar a cabra, e isso já aconteceu cerca de 29 vezes nos últimos 40 anos.

Patinar e rezar na Venezuela

Os cristãos da venezuela costumam ir a uma missa no natal. Em alguns bairros, as pessoas se reúnem para patinar, nas intituladas “patinadas”.

As igrejas organizam festivais noturnos em que as crianças andam de skate, patins e picicleta, apos a missa qualquer um pode participar.

As ruas são fechadas para veículos e a diversão é garantida para qualquer um.

‘Ceia para os mortos’ em Portugal

Os portugueses fazem uma ceia na noite de 24 de dezembro, que recebe o nome de consoada.

A mesa deve permanecer intacta durante a noite, em sinal de respeito aos membros da família que faleceram.

Em parte do pais deixaram sempre um lugar vazio na mesa em respeito aos que se foram a pouco tempo.

Sapatos e casamento na República Tcheca

De acordo com a superstição local, as mulheres devem ficar de costas para a porta de casa e jogar um sapato por cima dos ombros, se o sapato cair apontado para a porta é sinal de casamento em breve.

Mas se o sapato apontar para outra direção, permanecerá solteira por mais um ano.

Quando a uva-passa não parece tão ruim…

As iguarias natalinas podem fazer alguns revirar o estomago.

Muitos paises fazem coisas como lagarta frita, pele de baleia crua, carne fermentada de aves, e cabeça de codeiro assado.

‘Rabanete’ de Natal no México

Em Oaxaca, no Mexico, é palco de um evento tradicional que antecipa o natal.

Em 23 de dezembro, a cidade abriga uma exposição de escultura feita de rabanete, incluindo presépios natalinos.

O evento reuni milhares de pessoas.

Austríacos assustam criancinhas

Na primeira semana de dezembro, os austríacos se fantasiam de krampus é uma tradição.

A criatura mitológica, parece com um demônio e é ajudante do papai noel. Mas em vez de dar presentes, ele pune as crianças mal-educadas.

Curtiu? Confira outras curiosidades no site.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.